As 5.205 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores !!!
---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
<> POR FAVOR, alerte-me para qualquer erro que encontre <>
<> Ninguém sabe tudo, ninguém ignora tudo, só todos juntos sabemos alguma coisa <> PAULO FREIRE
---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
* Por motivos alheios à minha vontade, o motor de busca nem sempre responde satisfatóriamente *

* A seleção alfabética é da responsabilidade da blogspot !!!
* Caso necessite de ajuda envie a sua mensagem para: fadopoesia@gmail.com *
----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------


O nosso fado hoje é do mundo

Rogério Oliveira e Mário Fernandes / Miguel Rebelo
Repertório de Miguel Rebelo

Chamam-lhe fado, vejo-o cantado de outra maneira
Maior ou menor, f
ala de amor, queira ou não queira
Ao ter nascido v
iu o destino como parteira
Guitarra e viola  s
ão berço e escola e paixão primeira

Nasceu vadio

E foi fugidio de boca em boca
Do cais às colinas
Por tascas e esquinas numa voz rouca
Andou embarcado
Nobre soldado do nosso chão
O "bem-amado"
Hoje é letrado, tem condição
É canto de um povo
Que por destino e por condão
Levou pelo mundo a nossa canção


Chamam-lhe fado, vejo-o cantado de outra maneira
Maior ou menor, f
ala de amor, queira ou não queira
Almiscarado, d
oce ou salgado, de traje novo
Engalanado, n
ão põe de lado o nosso povo